Terça-feira, 17 de Fevereiro de 2009

Pego no meu lápis de carvão

Pego no meu lápis de carvão

Olho para aquela folha branca que espera as minhas palavras

Dou um suspiro e começo a visualizar

Vejo-te a chorar e não me espanto

Falta-te o calor do meu abraço

Um carinho no rosto

Um beijo para te deixar bem

És uma serena flor que se reveste de amor

Então as palavras começam a sair

Algo tipo sem saber

Apenas vão surgindo naquele papel

E saiu algo assim

 

Na manhã ao acordar

Só a ti te vejo na minha vida

Em tudo desde o banho tomar

Até a roupa estar vestida

 

Depois durante o dia

Qualquer coisa que esteja a fazer

Tudo me lembra de ti

Tudo me faz mais te querer

 

Tu fazes-me sonhar

Voar no espaço

Sentir-te comigo

Acolher-me no teu regaço

 

Em ti eu penso

Sempre contigo a querer estar

Dar-te a mão num passeio

E sentar-me contigo á beira mar

 

E as letras vão acabando

Porque quero ter a coragem de uma coisa fazer

Que é estar à tua frente

E tu o que me vai no coração te dizer

 

E as palavras terminam naquela folha de papel

O lápis se gasta

E eu pego na folha e guardo num envelope

E não a consigo enviar, porque a coragem para escrever eu tive

Mas tudo o que escrevi quero dizer-te para ti, nos teus olhos a olhar

 

 

Blue Heaven

 

publicado por ppovoa1 às 10:54

link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim

pesquisar

 

Novembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

posts recentes

Quero sussurrar

...

...

...

...

...

...

...

...

...

arquivos

links

Selo do Blog

Frases e Poemas

Código do selo



(Use Ctrl+C p/copiar
e Ctrl+V p/colar
o selo no seu blog)


Adicionem-me ao vosso mail

Fui Destaque no Azoriana Blog
Destaque na
Leitura do dia
blogs SAPO

subscrever feeds