Sexta-feira, 25 de Julho de 2008

Amar parece o inferno

Amar parece o inferno

É uma chama que consome
É o controlo da vida

Quem acende esta chama

Quando se irá apagar?

 

Não sei como se acendeu
Terá sido num passado distante
Será que veio por um sonho?

 

Do sonho só me lembro que era um doce sonhar
Sereno a dormir

Que me veio despertar

O sonho era de um dia formoso

E o sol com o seu esplendor tudo encheu de luz

Os olhos viam tanta beleza

Quem era ela, o que foi ela me fazer?

 

Não sei quem era

Não sei o que me fez

Mas nesse dia comecei a viver

Blue Heaven

publicado por ppovoa1 às 11:07

link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De soflor a 26 de Julho de 2008 às 23:11
Olá, acompanho os teus poemas há muito tempo mas nunca me atrevi a comentar, até porque nunca sei o que dizer. Mas tenho de te confessar que já coipie alguns para um bogue eu com o teu nome como autoria, como não poderia deixar de ser.
Quanto a este poema que dizer ?! que é lindo ? quem nõ gostaria de ter pelo menos alguém na sua vida que nos despertasse no mínimo a vontade de viver?!
Parabéns.

Comentar post

mais sobre mim

pesquisar

 

Novembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

posts recentes

Quero sussurrar

...

...

...

...

...

...

...

...

...

arquivos

links

Selo do Blog

Frases e Poemas

Código do selo



(Use Ctrl+C p/copiar
e Ctrl+V p/colar
o selo no seu blog)


Adicionem-me ao vosso mail

Fui Destaque no Azoriana Blog
Destaque na
Leitura do dia
blogs SAPO

subscrever feeds